O verdadeiro significado da Páscoa

domingo, 5 de abril de 2015

Olá pessoal tudo bem?

É páscoa e nessa data todo mundo se lembra de uma coisa, coelhinho e chocolate, mas será que todos sabem o verdadeiro significado da páscoa e sua origem? quem tiver curioso vou mostrar logo abaixo um texto tirado do site: http://cpad.com.br/, que conta com detalhes de acordo com a Bíblia.


A Páscoa é uma das datas comemorativas mais importantes do nosso calendário. Atualmente, tornou-se uma data tão comercial, que poucos lembram ou conhecem seu verdadeiro significado. Para além dos chocolates e presentes, a CPAD - editora cristã - reforça a origem do termo, que remonta a aproximadamente 1.445 anos antes de Cristo.

Para contextualizarmos, neste período, de acordo com a Bíblia, os descendentes de Abraão, Isaque e Jacó viviam como escravos há mais de quatrocentos anos no Egito. A fim de libertá-los, Deus designou Moisés como líder do povo hebreu (Êxodo 3-4). 

Em obediência ao Senhor, Moisés dirigiu-se a Faraó a fim de transmitir-lhe a ordem divina: “Deixa ir o meu povo”. Para conscientizar o rei da seriedade da mensagem, Moisés, mediante o poder de Deus, invocou pragas como julgamentos contra o Egito. 

No decorrer de várias dessas pragas, Faraó concordava deixar o povo ir, mas, a seguir, voltava atrás, uma vez a praga sustada. Soou a hora da décima e derradeira praga, aquela que não deixaria aos egípcios nenhuma outra alternativa senão a de lançar fora os israelitas: Deus mandou um anjo destruidor através da terra do Egito para eliminar “todo primogênito... desde os homens até aos animais” (Êx.12.12). 

A primeira Páscoa

Como os israelitas também habitavam no Egito, o Senhor emitiu uma ordem específica a seu povo. A obediência a essa ordem traria a proteção divina a cada família dos hebreus, com seus respectivos primogênitos. Cada família tomaria um cordeiro macho, de um ano de idade, sem defeito e o sacrificaria. Famílias menores podiam repartir um único cordeiro entre si (Êx. 12.4). 

Os israelitas deviam aspergir parte do sangue do cordeiro sacrificado nas duas ombreiras e na verga da porta de cada casa. Quando o destruidor passasse por aquela terra, ele não mataria os primogênitos das casas que tivessem o sangue aspergido sobre elas. Daí o termo Páscoa, do hebreu pesah, que significa “pular além da marca”, “passar por cima”, ou “poupar”. 

Assim, pelo sangue do cordeiro morto, os israelitas foram protegidos da condenação à morte executada contra todos os primogênitos egípcios. Deus ordenou o sinal do sangue, não porque Ele não tivesse outra forma de distinguir os israelitas dos egípcios, mas porque queria ensinar ao seu povo a importância da obediência e da redenção pelo sangue, preparando-o para o advento do “Cordeiro de Deus,” Jesus Cristo, que séculos mais tarde tiraria o pecado do mundo (Jo. 1.29). 


De acordo com a Bíblia, no livro de Êxodo, capítulo 12, versículo 31, naquela mesma noite Faraó, permitiu que o povo de Deus partisse, encerrando assim, séculos de escravidão e inaugurando uma viagem que duraria quarenta anos, até Canaã, a terra prometida.

A partir daquele momento da história, os judeus celebrariam a Páscoa toda primavera, obedecendo as instruções divinas de que aquela celebração seria “estatuto perpétuo” (Êx. 12.14). Era, porém, um sacrifício comemorativo, exceto o sacrifício inicial no Egito, que foi um sacrifício eficaz.

Libertação

Assim sendo, lembremos, não somente nesta data, mas em todos os dias, o verdadeiro significado da Páscoa. Assim como o Todo Poderoso libertou os hebreus da escravidão no Egito, Deus quer nos libertar da escravidão do pecado e por isso, enviou seu Filho, Jesus Cristo, para que “todo aquele que nEle crê não pereça, mas tenha a vida eterna”. (Jo. 3.16) Vida esta conquistada com sangue “porque Cristo, nossa Páscoa, foi sacrificado por nós.” (I Co 5.7) 



Espero que tenham gostado, uma boa páscoa para todos na presença de Jesus.

11 comentários:

Eduarda Camila disse...

As vezes só pensamos na páscoa como uma data para ganhar muito chocolate, mas esquecemos seu verdadeiro significado... Muito legal esse post. Nunca devemos esquecer o verdadeiro significado da páscoa <3

http://pausaproretoque.blogspot.com.br/

tainara mallet disse...

concordo com tudo que disse a gente pensa mais no material do que no verdadeiro significado eu nunca me esqueço acho isso mais que importante =)
beijos

http://loucaapaixonada22.blogspot.com.br/

Mariana Araújo disse...

É isso aí! Muita gente se lembra dos chocolates e esquece a verdadeira história.
Muito bom o post

www.maribelezapura.com

Day Lamartine disse...

O verdadeiro significado da páscoa
é o mais importante né!!!
Blog Delírios da Dayse

Fan Page

Um Pinguinho disse...

Muito bonita a mensagem.
De fato é o mais importante mesmo.
Beijinhos
www.UmPinguinho.com.br

Aleks Nogueira disse...

Hoje em dia acabou aquela época de refletir e deixar de ficar pensando só me chocolates. Que nem no Natal, cada dia vai acabando aquele espirito natalino de antigamente que eu amava. Mais os tempos mudam né amiga. Adorei o post. Arrasou viu. Bjs

BLOG | FAN PAGE | INSTAGRAM | YOUTUBE | GOOGLE+

Simara Pink disse...

Tem gente que esquece desse pequeno e grandioso detalhe e só pensa em comer chocolate.
Aguardo sua visita no meu cantinho.
Meu Blog: ➥ Plantão da Beleza
Minha Lojinha de Templates ➥ Lojinha Blog Chic
Meu Instagram➥@simarapink
Meu Canal no Youtube: ➥ Vídeos do Canal

BeijosssssssssSimara Pink ♥♥♥♥♥♥

Greice Vacaro Saraiva disse...

Oi flor, é sempre bom relembrar, pois nesse tempo de consumismo as vezes esquecemos do que realmente importa, beijinhos

http://www.atitudedabeleza.com/

Camila Lima disse...

Lindo post flor, as pessoas são lembram de chocolate e esquecem do real sentido da páscoa né, triste isso
Beijos
http://segredosdacahlima.blogspot.com.br/

Daniele Dias disse...

Post lindo e maravilhoso !
Páscoa não é apenas chocolates , como o comércio frisa .
Bjs!!!
pordosolblog.blogspot.com.br

Gabriela Gomes disse...

Na verdade a Pascoa apenas é a entrada da primavera no hemisfério norte (lá que começaram com a cultura de dar ovos - na época eram ovos de galinha mesmo, pintados - nesse dia) e, para os judeus, é a celebração da libertação do povo hebreu do cativeiro no Egito. Os religiosos apenas pegaram uma data já existente e comemorada desde sempre e fizeram disso uma data cristã. A ressurreição de Cristo de acordo a bíblia aconteceu na mesma época da Pascoa, mas uma coisa não tem absolutamente nada haver com a outra.
www.espacegirl.com

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial